09/12/2016

Advogado paranaense ministra palestra sobre Direito Tributário para procuradores em Brasília

O advogado James Marins será destaque no último dia do Congresso de Contencioso Tributário, organizado pela Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN). O paranaense, sócio fundador do escritório Marins Bertoldi Advogados Associados e atual presidente do Instituto Brasileiro de Procedimento e Processo Tributário, vai debater o método no Direito Tributário brasileiro em mesa composta também pelo presidente do Instituto de Estudos Fiscais, Marciano Seabra de Godoi e pela coordenadora geral de assuntos tributários da Procuradoria Geral da Fazenda, Núbia Nette Alves Oliveira de Castilhos. Durante os três dias do evento – 12, 13 e 14 de dezembro -, ministros do Supremo Tribunal Federal e do Superior Tribunal de Justiça, integrantes do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) e especialistas em Direito Tributário vão apresentar palestras que abordam desde a cobrança de impostos sobre royalties até as perspectivas para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, o FGTS. No dia 12, os ministros do STF Luís Roberto Barroso, Teori Zavascki e Luiz Fux serão palestrantes. Enquanto os ministros do STJ José Castro de Meira e João Octávio de Noronha estarão presentes no dia 14. Ao longo das mais de dez palestras, o programa prevê também a presença do presidente substituto do Carf Rodrigo da Costa Pôssas, do Procurador-Geral Fabrício Da Soller e do Procurador-Geral Adjunto de Consultoria e Contencioso Tributário Cláudio Seefelder. O encontro deve receber mais de 200 procuradores no Distrito Federal. Serviço Congresso do contencioso tributário da PGFN e o FGTS Data: 12 a 14 de dezembro Horário: 12/12 – 13h30 (credenciamento); 14h (abertura) 13/12 – 8h30-12h15 e 14h-18h30 14/12 – 8h30-12h15 e 14h-18h (encerramento) Local: auditório do Edifício CNC – Bloco D – Brasília, DF Mais informações e inscrições pelo email secretariacrj.df.pgfn@pgfn.gov.br

Leia +
07/12/2016

Empresários e especialistas discutem oportunidades de negócio para 2017

Mesmo em um 2016 instável, com economia em retração e incertezas na política, o mercado de fusões e aquisições foi um dos mais movimentados no Brasil. Entre janeiro e outubro deste ano foram 833 transações – um crescimento de 3% em relação ao mesmo período de 2015, segundo dados da plataforma Transactional Track Record (TTR). O evento “2017: Análise das Perspectivas e Oportunidades em Fusões e Aquisições”, organizado pelo Marins Bertoldi Advogados Associados em parceria com Axxon Group Private Equity e Banco BNP Paribas, propôs a discussão sobre como o setor deve se comportar no próximo ano. Embora cautelosos, os especialistas em gestão acreditam que 2017 pode ser o ano de retomar o crescimento depois de um período em que as empresas enxugaram gastos e concentraram suas atenções em questões internas. Durante toda a manhã, os especialistas abordaram aspectos econômicos, estratégicos e jurídicos das fusões e aquisições entre empresas. O advogado Marcelo Bertoldi ressaltou a importância das empresas se prepararem em 2017 para a possível retomada da economia em 2018: “Somente aproveitará a recuperação quem se preparar no ano que ainda deve ser difícil”, opina.

Leia +
06/12/2016

Instituto Legado reúne 80 instituições sociais e anuncia vencedoras do Prêmio Cereja do Bolo 2016

Para celebrar a conclusão da 4ª edição do Projeto Legado e anunciar as organizações sociais que conquistaram o investimento financeiro, o Instituto Legado reúne na próxima quarta-feira (07), a partir das 19h, todas as organizações que já passaram pelo programa de capacitação e integram a Rede Legado. São 80 iniciativas sociais que receberam um ano de profissionalização em empreendedorismo social e agora se reencontram para trocar experiências, fortalecer conexões e conhecer as vencedoras do Prêmio Cereja do Bolo 2016. “A entrega do prêmio financeiro é sempre um momento muito especial para o Instituto e também para as organizações que integram nossa rede, é o momento de coroação do trabalho que é feito durante o ano e a chance que temos de potencializar nosso impacto fortalecendo parcerias entre pessoas que tem propósito social”, afirma James Marins, presidente do Instituto Legado. O encontro também é uma oportunidade para que pessoas e empresas interessadas no empreendedorismo social conheçam o resultado das atividades desenvolvidas em 2016 e discutam propostas para o terceiro setor. Desde 2013, o Projeto Legado seleciona anualmente 20 instituições do setor e oferta um ano de atividades gratuitas, incluindo conhecimento sobre gestão, comunicação, finanças e assessoria jurídica. Um dos avanços de 2016 foi a abertura de edital para outras regiões do Brasil. Graças a essa ampliação, a ONG Pontes do Amor, de Uberlândia (MG), pôde aprimorar o trabalho que desempenha em prol da adoção legal e a convivência familiar. “O Legado foi um divisor de águas que nos levou a revisar nossa identidade organizacional e processos, e ainda nos trouxe ferramentas e metodologia para gestão de projetos; valeu a pena o investimento em viagens, pois a qualidade do treinamento foi classe A”, avalia Sara Vargas, coordenadora da instituição e finalista do Projeto Legado 2016. Ao fim do curso anual, os participantes produzem um projeto de expansão de impacto e disputam um prêmio financeiro com intuito de ampliar as atividades e soluções da causa social ou ambiental a que se dedicam. Oito ONGs estão na fase final e na expectativa de conquistar R$ 10 mil para aplicação em 2017. Por meio desse programa de aceleração, 11 iniciativas já foram prestigiadas com financiamento direto, além de outras 71 que receberam investimento por meio do conteúdo programático. O edital de inscrições para a próxima edição será divulgado em breve. Turma de primeira Além da celebração do Projeto Legado 2016, o evento também marca a formatura da primeira turma de Pós-Graduação em Empreendedorismo e Negócios Sociais, um curso inédito no Sul do País desenvolvido pelo Instituto Legado em parceria com a FAE Business School. O encontro ainda contará com a presença de Marcelo Estraviz, especialista em investimento de impacto social que ministrará, na próxima quarta-feira (08) um dia de oficina de captação de recursos no Legado SocialWorking. Interessados em participar da celebração e da oficina podem confirmar presença pelo site. Sobre o Instituto Legado O Instituto Legado acredita que o Empreendedorismo Social é uma ferramenta eficaz para o desenvolvimento econômico e se propõe a ampliar o impacto de iniciativas sociais, causar transformações e deixar um legado. Atua em três frentes estratégicas: Capacitação, Educação Formal e Fortalecimento de Rede. A capacitação é executada por meio do Projeto Legado, um programa de aceleração que seleciona, capacita, conecta e investe em organizações sociais de alto potencial de impacto. Realizado desde 2011, o Projeto já apoiou 80 organizações. A segunda frente é a Educação Formal que, em parceria com a FAE Business School e o Amani Institute estruturou a primeira pós-graduação em empreendedorismo e negócios sociais do Sul do Brasil. A terceira frente é o Fortalecimento de Rede, que promove e apoia ações sobre Empreendedorismo, Inovação, Negócios Sociais e Investimento de Impacto com a intenção de tornar Curitiba pólo de discussões de relevância nacional e internacional e recentemente criou o SocialWorking, um coworking exclusivo para negócios sociais. Serviço:  07/12/2016, a partir das 19h
Local: Av. Visconde de Guarapuava, 3263, Auditório 2o andar. Instituto Legado Rua São Pedro, 696 – Cabral. (41) 3503-2812 http://institutolegado.org www.facebook.com/InstitutoLegado

Leia +